80. DE LONGE, TODAS AS QUESTÕES SÃO A MESMA
*

Minhas pernas caminharam
sozinhas
pela estação rodoviária.
*
Era fim de tarde
sem vento,
e os ônibus mal respiravam
montados no horizonte.
*
E as minhas pernas
mais bonitas se vistas de longe
pra onde iam eu não sabia.
*
Perdidas de mim
e não perdidas: sem olhos
e no entanto pisavam firmes
como quem nunca bebeu
(porque, mesmo sem boca,
minhas pernas já beberam).
*
Pernas finalmente longe
e finalmente minhas
(nunca perdidas),
elas subiram as escadas
e deixaram a estação
e outra vez não deixaram:
*
repentinamente fundidas
na multidão,
minhas pernas
sobre a ponte do arroio
ou dormindo à sombra da tarde
não encontraram mais
as mesmas pernas
de agora.
*
Creio
que o tempo também
envelhece.

__________________________________________


__________________________________________

* Fotografia: Leonardo Sessegolo

** Altair Martins (Porto Alegre, 1975). Bacharel em Letras pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) — ênfase em tradução de língua francesa —, mestre e doutor em Literatura Brasileira na mesma universidade. Ministrou a disciplina de Conto no curso superior de Formação de Escritores da UNISINOS entre 2007 e 2010. É professor da Faculdade de Letras e de Escrita Criativa da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), atuando no Programa de Pós-graduação. Coordena o projeto de pesquisa O fantástico em tradução. Tem textos publicados em Portugal, na Itália, França, Argentina, no Uruguai, na Espanha, Hungria, em Luxemburgo e nos Estados Unidos. Ganhou, entre outros prêmios, o São Paulo de Literatura (2009, com o romance A parede no escuro) e o Moacyr Scliar (2012, com os contos do Enquanto água). A peça teatral Hospital-Bazar (Porto Alegre: EdiPucrs, 2019), o romance Os donos do inverno (Porto Alegre: Não editora, 2019) e Labirinto com linha de pesca (Porto Alegre: Diadorim Editora, 2021) são suas últimas publicações. Ministrante, desde 2019, da disciplina Oficina de Poesia na especialização Lato Sensu em Escrita Criativa Unicap/PUCRS (2019.2). Contatos: altairt.martins@pucrs.br; www.altairmartins.com.br