Ao usar nosso site, você está aceitando o uso dos nossos cookies.

As filhas do adeus | Patricia Gonçalves Tenório

Este livro é composto por histórias reais, por ficções verdadeiras. Escrevo uma novela fragmentada em vinte e um breves contos (novela por se tratar da mesma protagonista, Patricia, em terceira pessoa do singular), a partir de fatos que poderiam ter sido, a partir do encontro…

“As casas”

Mistérios Vêm do passado Antecipam o futuro  E aterrizam Suavemente  No presente  No instante Que abro O caderno Em branco Tomo a caneta Na mão E escrevo Um rio de Saudade (“Casa”, Patricia Gonçalves Tenório, 13/12/2021, 15h18) De 03 a 16 de dezembro de 2021,…

Poema de Altair Martins**

80. DE LONGE, TODAS AS QUESTÕES SÃO A MESMA* Minhas pernas caminharam sozinhas pela estação rodoviária. * Era fim de tarde sem vento, e os ônibus mal respiravam montados no horizonte. * E as minhas pernas mais bonitas se vistas de longe pra onde iam…

Índex* | Novembro, 2021

Quando olho O ano inteiro Nem parece Que acabou Nem merece Uma tristeza Vinda De qualquer Parte Só amor Só amor Só amor * (“21 de novembro”, Patricia Gonçalves Tenório, 18/11/2021, 14h33) * Na edição de aniversário, no Índex de Novembro, 2021, no blog de…

Estudos em Escrita Criativa On-line | Novembro, 2021

No mês de novembro de 2021, navegamos pelas veredas do segundo escritor mineiro do nosso curso, de Cordisburgo para o mundo, João Guimarães Rosa, e com o escritor gaúcho Gustavo Melo Czekster. * Primeira Aula do Módulo 11: * * Na primeira aula do módulo…

Poema e foto de Altair Martins*

78. CHOVIA: O PAI ME TROUXE OS SAPATOS * Estava encharcado (o pai) e com olhos de uma espera, fatia de vento e areia. Ficou à porta da casa com os braços tão curtos que me deram muita pena. * Estavam secos (os sapatos) e…

Estudos em Escrita Criativa On-line | Outubro, 2021

No mês de outubro de 2021, visitamos, em Itabira, MG, um dos maiores escritores brasileiros, Carlos Drummond de Andrade, e recebemos a escritora pernambucana e uma das tias do curso Estudos em Escrita Criativa, Bernadete Bruto. * Primeira Aula do Módulo 10: * * Na…

Poema de Altair Martins**

73. POEMA SILENCIOSO * A escrita já estava onde um fundo qualquer de mundo segurava suas figuras depois do assobio. Estava onde a luz emprestava os olhos e apressava os contornos da caça contra o azul. Esteve depois no barro onde vacilavam sentidos e sons…