Ao usar nosso site, você está aceitando o uso dos nossos cookies.

Poema e foto de Altair Martins*

78. CHOVIA: O PAI ME TROUXE OS SAPATOS * Estava encharcado (o pai) e com olhos de uma espera, fatia de vento e areia. Ficou à porta da casa com os braços tão curtos que me deram muita pena. * Estavam secos (os sapatos) e…

Poemas* de Angelo Manitta

O NARRADOR * A constelação do escudo me apareceu pequena e lábil. Seu nome, desejado por razões políticas, me fez pensar numa sociedade de reis, príncipes e presidentes que se impõem. Justa é a causa. Johannes Hevelius, perscrutador dos céus, observa o universo, mas no…

Índex* | Outubro, 2021

O que está Enternecido Enternecido Ficará Nos meus sonhos Na minha vontade De tornar o mundo * Melhor Para os meus filhos Os seus Os nossos * E poder Caminhar tranquila Na beira-mar De Boa Viagem * (“Você é o mundo que lhe contém”, Patricia…

Estudos em Escrita Criativa On-line | Outubro, 2021

No mês de outubro de 2021, visitamos, em Itabira, MG, um dos maiores escritores brasileiros, Carlos Drummond de Andrade, e recebemos a escritora pernambucana e uma das tias do curso Estudos em Escrita Criativa, Bernadete Bruto. * Primeira Aula do Módulo 10: * * Na…

Poema de Altair Martins**

73. POEMA SILENCIOSO * A escrita já estava onde um fundo qualquer de mundo segurava suas figuras depois do assobio. Estava onde a luz emprestava os olhos e apressava os contornos da caça contra o azul. Esteve depois no barro onde vacilavam sentidos e sons…

Índex* | Setembro, 2021

Uma viagem Se faz Ao menos A quatro pernas No mínimo A quatro mãos Já dizia Michel Onfray * Na teoria Da viagem Que fazemos Para dentro Que mergulhamos Nas palavras De um grande escritor De uma grandiosa escritora * Que nos habita Esperando Apenas…

Estudos em Escrita Criativa On-line | Setembro, 2021

No módulo 9 do curso Os mundos de dentro dos Estudos em Escrita Criativa On-line, investigamos a casa, a vida e a obra de um dos maiores escritores, poetas, artistas brasileiros Mário de Andrade. Aula 1 | Módulo 9: Na aula 1, descobrimos a praticidade…

Dois poemas de Altair Martins*

68. CONLUIO DO 7 DE SETEMBRO * Podes delegar às nuvenstuas injustiças de gaveta:a covardia da tua educação particular,o bairro onde moras,o plano de saúdee as vantagens do teu partido.O riso americanoe o gesto de lavar as mãosdepois da missão cumpridaprovam que todos podem vencer.É…