Estudos em Escrita Criativa – Outubro, 2018 | Recife e Porto Alegre

Os Estudos em Escrita Criativa 2018 estão chegando à fase final. Em novembro teremos o nosso último encontro sobre O fogo, e receberemos escritores maravilhosos: em Porto Alegre, na noite de 07/11/2018, a mestranda em Escrita Criativa Andrezza Postay (PUCRS), e o doutorando em Teoria da Literatura Camilo Mattar Raabe (PUCRS); em Recife, no dia 10/11/2018, o tão caríssimo professor da UFPE Lourival Holanda. Além do lançamento do nosso Sobre a escrita criativa II, coletânea de artigos dos escritores participantes dos encontros e outros que estão fazendo, com todo esforço e amor à causa, uma Escrita Criativa no país.

Em outubro, 2018, navegamos, juntamente com os escritores convidados, a queridíssima Prof. Maria do Carmo Nino (UFPE), em Recife, e, em Porto Alegre, com os doutorandos em Escrita Criativa María Elena Morán (PUCRS) e Daniel Gruber (PUCRS), em busca da noss’A imagem essencial, aquela provocada por tantas imagens exteriores, mas que no mergulho interior encontramos a própria voz reverberada em poesia, ficção, imagens poéticas.

E são essas imagens que apresento em seguida, para serem lidas, degustadas, e que sirvam de provocações para outras explosões de fogos de criação.

Abraço bem grande e boa leitura,

 

Patricia Gonçalves Tenório.

 

____________________________________

IMG_8554

Recife, 06/10/2018

 

Bernadete Bruto

Escrita compartilhada*

Contato: bernadete.bruto@gmail.com

                                                                                              

A direção

Logo cedo

Desponta

Reflete

A imagem

O  caminho

A se desdobrar

Na minha frente

Rumo

Busca

Encontro

De uma escrita

Que revela

A mim

E o outro

Sempre.

 

Recife, 6 de outubro de 2018.

*fotografia do celular tirada hoje pela manhã

20181006_091032 - Foto Berna

 

 

Coração afegão**

Intensa mirada

A Expor

Todo um ser

A agonia silenciosa

Do povo afegão

Deixa entrever

O que vai ao coração

Na transparência

Deste olhar

Límpido

Claro

A denunciar

Para a fotografia

Uma condição

Apenas num mirar

Expressa

Inteiramente

O que não é preciso dizer.

O que não pode falar…

O que não deve calar!

 

Recife, 6 de outubro de 2018.

**fotografia d’A Menina Afegã

 

ELBA LINS

BELEZA E MEDO*

Contato: elbalins@gmail.com

 

Olhos felinos

Ferozes

E mortos de medo…

Avançar, lutar

Ou se esconder

Em si mesma?

 

Rosto perfeito

Selvagem…

Roto,

Manchado,

Marcado pela vida

 

Capa a te proteger

A te exibir

A exibir perante meus olhos

Tua imagem bela

Tua imagem forte

O azul dos teus olhos-medo

O azul dos teus olhos-luz

 

A luz, que capturo

Quando busco o belo.

E te vejo

Beleza e medo…

 

**Inspirada na foto “A Menina Afegã” de Steve McCurry na National Geografic)

 

RALDIANNY PEREIRA

Contato: raldianny@gmail.com

 

Menina dos olhos verdes

Quem ilumina

Teu verde olhar?

Quem afaga a esperança?

Haverá esperança

Ou só susto

Em teu olhar?

Será tua face

Para o mundo

Esperança?

O que o futuro trará

Ao teu olhar?

O tempo, este artista

Modela tua face.

Traça linhas em teu rosto.

Nele persiste

Teu verde olhar.

Medo.

E esperança.

 

national-geogra-afghan_girl_615

“Menina afegã” (1984)

Steve McCurry (Darby, Pensilvânia, EUA, 1950)

 

CILENE SANTOS

ILUSÃO

Contato: cilenecaruaru2013@gmail.com

 

Imaginei a forma de tê-lo novamente.

Reinventei você.

Em minha recriação,

A tua imagem se fez.

Na minha imperfeição,

Te fiz perfeito para mim.

Imitei a Divindade,

Satisfiz meu ego

E te enclausurei.

Não te dei a liberdade da escolha,

Roubei-te a tua completude.

Querias ser de carne e osso,

Mas eu te quis platônico.

Maldisseste a minha criação

Porque segui apenas a minha intuição.

A imagem se desfez, enfim.

Te perdi mais uma vez

E desta vez dentro de mim.

 

JOÃO ORLANDO ALVES

IMAGEM

Contato: joaoorlandoalves@yahoo.com.br

 

Vejo-me na frente de uma fotografia, “uma coisa necessariamente real que foi colocada diante da objetiva” e traduzo o que feriu os sentidos ao observar o quadro instalado e um sentir lúdico.

Um gesto insano, para os puritanos, quando um casal de namorados ou amigos deleita-se num encontro casual na rua e, instintivamente, abraça-se, beija-se em uma coreografia extasiante de balé, por um momento, sem a percepção dos sons ao redor, somente a música da alma.

A beleza ali produzida sugere um movimento de eloquência juvenil, uma implícita generosidade, de voluntariedade e alegria de viver. É preciso lançar-se ao sublime do cotidiano, às vezes, sofridos. “Vivemos pelo prazer”, formula a neurocientista Susana Herculano Houzel.

Os passantes, sem preconceitos, não se detém àquele fluir estético, talvez pela pressa do dia a dia, por um bastar à luminosidade da representação ou absorto em suas preocupações, mas levando o que se lhe afigura belo.

Fotografado esse instante, mostra a exuberância do flagrante, imagem a se perpetuar como inspiração à vida e possibilidades de se encantar.

Nada de insano.

v-j_day_times_square

“V-J Day na Times Square” (1945)

Alfred Eisenstaed (Dirschau, antiga Prússia, 1898-1995)

MONIQUE BECHER

Contato: moniquebecher@hotmail.com

 

POESIAS.

IMAGEM

 

A imagem fascina.

Perpetua-se no tempo.

Amarra-se às ideias.

Tatua-se nos ícones.

Busca o referente, os símbolos.

Na imagem me contemplo.

Admiro-me , resplandeço, reverbero.

Sou múltipla.

Sou espelhos superpostos.

Sou prosa, poesia, cinema, tecnologia.

Realidade, aliança, carnaval.

Mulher, Veneza, vendaval.

Capturo imagens na ficção:

Foto, som, computador, televisão.

Radiografo-as.

Aprisiono-as

Nos meus olhos abertos:

Janelas do mundo em evolução.

Minhas percepções?

Desnudo-as nos ensaios.

Metamorfoseio-as em átomos.

Liberto-as em contos.

Há resistência.

Busco resiliência.

Elas reverberam.

Que plasticidade!

Veem-se altaneiras.

Quiçá, alvissareiras.

Descolam-se da fotografia.

Livres, resplandescentes!

Em tubos plásticos maleáveis

Alimentam devaneios ficcionais,

Quimeras existenciais.

Multiplicam-se.

Entrelaçam-se.

Imagens?

Somos nós:

Água, terra, fogo, ar.

Inventividade.

Imagens …

Homens em busca da Felicidade.

PHOTO-2018-10-19-17-48-06

Noruega, Região dos Fiordes

 

RILKIA AMARAL

Contato: rikiaamaral@hotmail.com

Texto de Rilkia

 

____________________________________

IMG_8543

Porto Alegre, 10/10/2018

 

ANA PAULA BARDINI

Contato: apbardini@terra.com.br

 

primeiro, a surpresa

 

balões em tons violeta

corações, bolas, brilhos

enfeitam a sala

ocupam espaços

preenchem vazios

 

em seguida, a alegria

 

carinho, cuidado, afeto

de longe, por quem

sempre se faz perto

da alma, de alma

emoção, choro, renovação

 

pelas bênçãos do caminho,

pelo toque do outro,

pelo espelho da vida,

gratidão.

 

#APB

Ana Paula Bardini

PATRÍCIA LASCH

Contato: patricialasch@bb.com.br

Parque NP1

 

Parque NP2

Parque NP3

Parque do Imigrante, Nova Petrópolis, Serra Gaúcha – RS

 

SUSI FRANKE

Contato: susifrankett@gmail.com

PHOTO-2018-10-13-11-07-10 - Susi Franke