Poema do Dia | Alcides Buss

UM HINO À INFÂNCIA

Aquele que acha, sombrio,
que tudo está perdido,

não viu a ave de luz
em sua nave verbal

guardada no quintal
da alma, em meio

a outras aves, em bando
capazes de trazer o céu

ao seu jardim, então
deserto e em rebuliço,

e as ruínas adentrar
com fibras cristalinas,

fazendo transformar-se
a sombra sobre a vida

no sonho da criança
que acredita em si.

http://www.alcidesbuss.com/

Enviada em 12/10/14.