Índex* – Maio, 2014

O escritor é uma pessoa que passa anos tentando descobrir com paciência um segundo ser dentro de si,

e o mundo que o faz ser quem é: quando falo de escrever,

o que primeiro me vem à mente não é um romance, um poema ou a tradição literária,

mas uma pessoa que fecha a porta, senta-se diante da mesa e, sozinha, volta-se para dentro:

cercada pelas suas sombras, constrói um mundo novo com as palavras.

(A maleta do meu pai, Orhan Pamuk)

– Eu sempre quis que vocês admirassem meu jejum – disse o artista da fome.

– Nós o admiramos – retrucou o inspetor – por que não haveríamos de admirar?

– Mas não deviam admirar – disse o jejuador.

– Bem, então, não admiramos – disse o inspetor. Por que é que não devemos admirar?

– Porque eu preciso jejuar, não posso evita-lo – disse o artista da fome.

 (O artista da fome, Franz Kafka)

A experiência da fome no Índex de Maio, 2014 do blog de Patricia Tenório.

“Sans nom/ Fără nume” | Patricia Tenório (PE-Brasil).

Festival Alba Transilvania, Alba Iulia, Romênia, Maio, 2014.

“As Crônicas de Aia” | José Augusto Nobre de Medeiros (RN-Brasil).

Une vraie histoire | Enviada por Youcef Amier (França).

XVIII Jornada de Estudos Traços Freudianos Veredas Lacanianas Escola de Psicanálise (PE-Brasil).

Agradeço a participação de todos(as), a próxima postagem será em 29 de Junho de 2014.

Até lá,

Patricia Tenório.

___________________________________

Index* – May, 2014

The writer is someone who spends years patiently trying to discover a second being inside him,

and the world that makes you who you are : when I speak of writing,

what first comes to mind is not a novel, a poem, or literary tradition,

but a person who closes the door, sits down at the table, and alone, turns inward:

surrounded by their shadows, builds a new world with words.

( The case of my father, Orhan Pamuk )

 I always wanted you to admire my fasting – said the hunger artist .

 We admire – said Inspector – why should not we admire ?

 But you should not admire – said the fasting person .

 Well then , we don’t admire – the inspector said . Why should not we admire ?

 Because I need to fast , I can not avoid it – said the hunger artist .

(The Hunger Artist , Franz Kafka )

The experience of hunger in the Index of May, 2014 in the blog of Patricia Tenório.

“Sans nom/ Fără nume” | Patricia Tenório (PE-Brasil).

Festival Alba Transilvania, Alba Iulia, Romania, May, 2014.

“The Cronicles of Aia” | José Augusto Nobre de Medeiros (RN-Brasil).

One true history | Sent by Youcef Amier (France).

XVIII Jorney of Studies Freudian Traces Lacanian Paths School of Psychoanalysis (PE-Brasil).

I appreciate the participation of all, the next post will be on 29th June, 2014.

See you there,

Patricia Tenório.

___________________________________

Praga III

Praga VI

Praga VII

Praga VIII

**

___________________________________

* Índex foi traduzido apenas para o inglês por uma questão de extensão do post.

* Index was translated into English only as a matter of the extension of the post.

**Imagens de Praga, terra natal d”O artista da fome”, Franz Kafka. Images of Prague, birth land from “The hunger artist”, Franz Kafka.