Ao usar nosso site, você está aceitando o uso dos nossos cookies.

Índex* – Maio, 2017

Tempo morto Aquele de Se esperar E nunca Alcança Aquele de Ver o mar E não enxergar A paisagem  Aquele de  Abrir os olhos E não ter Porque viver * Tempo torto Que vive Embriagando As minhas buscas Que traça A imensidão  Do meu destino…

Conto intersemiótico| Patricia (Gonçalves) Tenório*

Para Elba Lins & Companhia Maria fechou a porta do táxi e deixou para fora o pensamento em José, como se fosse o cinto do casaco bege deslizando pelo ar. O motorista do táxi usava uma boina preta no frio de Porto Alegre. Ela disse…

“Semiose poética”* | Clauder Arcanjo** [et al.]

As imagens surgiam frente a mim, e eu não conseguia sequer respirar. Como se com receio de que aqueles “flagrantes” do poeta-fotógrafo se espantassem com a intromissão de qualquer sinal de “outra vida”. Alumbrado, eu batia as pálpebras dos olhos, a demonstrar que me encontrava…

“À Cidade”* | Mailson Furtado**

α. presente   tarde tarda alarme que fala que arde que geme   de tarde que fica cidade que falo   cidade em meio a tua carne te                              rasgo e penetro teu âmago por entre veias e ruelas onde cachorros dão o ar da graça…

A automedicação na prática | Mara Narciso*

21 de maio de 2017 A prescrição de medicamentos é ato exclusivo do médico e dentista que são obrigados a fazê-lo de forma legível e sem rasuras. Automedicar-se, isto é, sem receita médica é rotina corriqueira dos brasileiros, sendo comum se ter uma farmacinha no…