Ao usar nosso site, você está aceitando o uso dos nossos cookies.

Convite Espetáculo As joaninhas não mentem

Uma verdadeira viagem de imagens e sons dos sonhos e desejos. As joaninhas não mentem é uma história de amor diferente. Ariana – talvez futura Rainha do Amor Perfeito – nos leva a um mundo surreal numa estrada em direção à Torre do Castelo do…

Quarto escuro*

Patricia Tenório 23/03/2008 Das coisas invisíveis e das mortais só os deuses têm um conhecimento certo; aos homens, só conjecturar é permitido.                                                                                                          Alcmeão                    Acordo à noite pensando que os pensamentos não acham  mal algum em criar. Pego a caneta preta e o caderno…

Literatura: A mulher pela metade

Fernando Py Fonte: Tribuna de Petrópolis, Caderno Lazer: http://www.e-tribuna.com.br Sex, 06 de Maio de 2011 12:00 Na novela A mulher pela metade (Rio de Janeiro: Calibán, 2009), a  pernambucana Patricia Tenório, autora do romance As joaninhas não mentem (2006) e dos textos poéticos de Grãos…

Uma carta de Newma Cynthia

Querida Patricia, Enfim, apareço. Acabei de ler Grãos, esse livro que despertou minha atenção quando li “intervalo” aqui no site. Sim, contava com a continuidade da história, queria saber o que aconteceria a jornalista e Mateus, que homem misterioso é esse que despertou a atenção…

Mostra “Vestígios da Brasilidade” – Santander Cultural Recife

Pierre Verger, Dorminhocos, Salvador, Brasil, anos 1950 Ronald Duarte, Fogo cruzado, 2002 Patricia Tenório, 23/05/11 A mostra “Vestígios da Brasilidade” do Santander Cultural Recife nos apresenta rastros do que somos, das nossas raízes, origens, ao mesmo tempo que nos remete à mistura de culturas que…

Das flores no meu jardim

Patricia Tenório 16/05/2011             Em homenagem a Paulo Freire               Começou a digitar no tempo em que aprendeu a ler.             Juntar letras na máquina, o mesmo que na memória. E a imaginação corria em busca da imagem para cada letra e cada letra…

‘amorte’, Helder Herik e A idade de desossar

Helder Herik([1]), A idade de desossar Emerson Oliveira do Nascimento([2])   Somente quando o corpo e o espaço de imagens se interpenetrarem, dentro dela, tão profundamente que todas as tensões revolucionárias se transformem em inervações do corpo coletivo, e todas as inervações do corpo coletivo…

Convite Jacques Ribeboim

              Prezados amigos, Este é um lembrete para o lançamento do nosso livro, neste sábado, 14 de maio, a partir das 16 horas, na Academia Pernambucana de Letras, Recife. “UMA OLINDA JUDAICA: 1537 A 1631“, de José Alexandre Ribemboim e…